Design emocional

Pouring-Linght_02-440x623 juicy-salif-citrus-squeezer

Quem nunca se pegou desejando algum produto que nem mesmo sabe muito bem para que serve, mas achou lindo e precisa ter em casa?

Ou,

Quem nunca achou que aquela máquina de café toda bonitinha é mais fácil de usar do que aquela outra menos atraente? Quem nunca se inspirou em uma roupa?

 “Seres humanos respondem socialmente às suas interações com máquinas. Buscam sempre alguma metáfora que ligue aquela tecnologia ao contexto social em que vivem”. Em se tratando de design emocional, aquela velha máxima de Descartes “penso, logo existo” deve ser trocada nos dias de hoje por “sinto, logo existo”. Isso porque, enquanto o mundo dos negócios atende a lógica das coisas, o mundo do consumidor é absolutamente orientado pela emoção em adquiri-las (ou não).

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s